• Conheça os pontos turísticos de Paulista

Eleitorado brasileiro dividido sobre a possível candidatura de Lula

Via Poder 360

A população brasileira continua dividida quanto às possibilidades de o ex-presidente Lula (PT) disputar a Presidência da República. Para 47% dos brasileiros, Lula deveria concorrer nas eleições. Já 51% acham que o petista deveria ser impedido da disputa, a diferença está dentro da margem de erro, de 2 pontos para mais ou para menos.

A pesquisa foi realizada pelo instituto Datafolha e divulgada nesta 5ª feira (1º.fev.2018). O levantamento foi feito entre os dias 29 e 30 de janeiro, logo após a condenação de Lula na 2ª Instância pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região no dia 24 de janeiro de 2018. Foram ouvidas 2.826 pessoas em 174 municípios. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou menos.

Na opinião de 53% dos entrevistados, Lula deveria ser preso. Porém, 44% discordam e 3% não souberam responder. Entre os grupos que mais defendem seu impedimento estão os eleitores com ensino médio (55%) e superior (67%) e trabalhadores com renda familiar mensal acima de 2 salários mínimos (60%), com apoio que cresce conforme a renda (é de 70% entre os que ganham mais de 10 salários mínimos).

Segundo o levantamento, o petista tem mais apoio entre os eleitores da região Norte e Nordeste, onde 53% e 71%, respectivamente, defendem que o ex-presidente possa ser candidato. No resto do país, mais de 60% se opõem à ideia.

A parcela que diz acreditar que Lula não será preso ainda é majoritária (56%), mas encolheu 10 pontos percentuais desde setembro. Hoje 39% acreditam em sua prisão. Há 5 meses, quando foi realizada a última pesquisa, esse índice era de 28%.

Segundo a pesquisa, mais de 80% dos brasileiros disseram acreditar que Lula sabia da corrupção em seu governo, sendo que 54% afirmam que o petista permitiu que ela ocorresse.

Entre os que declararam voto ao petista, 68% acham que ele sabia dos casos de corrupção ocorridos durante seu mandato. Porém, 50% dizem que ele não poderia fazer nada para evitá-la.

 

Lula foi condenado por unanimidade a 12 anos e 1 mês de prisão pelo TRF-4. Para 50% dos entrevistados, a decisão foi justa, 43% acham que não.

Entre os 76% que disseram ter conhecimento sobre o julgamento, 54% consideram justa a sentença –taxa que sobe para 60% entre os 24% que se dizem bem informados sobre o caso.

ELEIÇÕES 2018

O Datafolha divulgou na 4ª (31.jan) uma pesquisa de intenção de voto para a Presidência da República. Lula ainda lidera a disputa, mesmo condenado em 2ª Instância. O ex-presidente, no entanto, perdeu força como cabo eleitoral. Com o petista fora do páreo, o deputado Jair Bolsonaro (PSC) lidera a disputa.

Deixe uma resposta