• Conheça os pontos turísticos de Paulista

Dados Geográficos

Imagem aérea de Paulista

LOCALIZAÇÃO: Litoral Norte da Região Metropolitana

DISTÂNCIA DO RECIFE: 17 km ao norte da capital (marco zero)

ÁREA: 97,312 km² (lBGE 2010)

POPULAÇÃO ESTIMADA: 328.353

CRESCIMENTO ANUAL: 2,91%

VIAS DE ACESSO: BR 101, PE 001, PE 015.

CLIMA: Tropical- Quente úmido com chuvas de inverno.

TEMPERATURA:

Mínima 18° C
Média 24,52° C
Máxima 31° C

ALTITUDE: 15 a 30 metros acima do nível do mar.

LIMITES:

Ao Norte – Abreu e Lima (4 km) e Igarassu (12km)
Ao Sul – Olinda (Divisa), Recife(17km), Camaragibe (34km) e São Lourenço da Mata(38km)
Ao Leste – Igarassu e Oceano Atlântico
Ao Oeste – Paudalho (50km), Tracunhaém (54km)


DIVISÃO GEOGRÁFICA DA CIDADE

Região Paulista Centro:

Centro comercial
Bairro do Nobre
Aurora
Patio Paraiso
Canoa de Catolé)

Região Paulista Norte:

Paratibe
Arthur lundgren I e II
Vila Jardim (Jardim Velho)
Jardim Paulista Alto e Baixo
Mirueira
Jaguaribe
Distrito Industrial

Região Paulista Sul:

Torres Galvão
Parque Paulista
Alto do Bigode
Fragoso/Parte da Cidade Tabajara

Região Paulista Leste:

Maranguape I
Jardim Maranguape
Uruba
Alameda Paulista
Vila Antonio Maria
Riacho de Prata 1 E 2
Maranguape II
Engenho Maranguape
Enseadinha
Janga
Tururu
Pau Amarelo
Nossa Senhora do Ó
Nossa Senhora da Conceição 1 e 2
Maria Farinha

Região Paulista Oeste:

Zona de Mata Atlântica, Reserva Ambiental
Mata do Ronca
Munbeca 1 e 2
Cova de Onça


ASPECTOS FÍSICOS

Praia de Maria Farinha

A Cidade do Paulista fica situado na Região Metropolitana do Grande Recife tem 15km de

A Cidade do Paulista fica situado na Região Metropolitana do Grande Recife tem 15km de costa (praias). A cidade do Paulista era 2° Distrito e foi desmembrada da Comarca de Olinda, por um Decreto lei Estadual n° 11 de 04.09.1935

A Cidade do Paulista compõe-se dos seguintes bairros:

Primeiro: Paulista (centro)

Segundo: Maranguape I e II tooa área

Terceiro: Paratibe, Arthur lundgren I e II pelo Decreto lei Municipal n° 39 de 26 de novembro de 1948 (antes era o povoado de Caboatã)

Quarto: Conceição (praias)

Quinto: Navarro é a nova denominação dada a Mirueira pela lei Municipal de 1969 em 04 de setembro.

Sexto: Praias

Sétimo: Arthur Lundgren I e II e toda área.

Pela lei n° 2.924 de julho de 1989, foram criados novos bairros ficando os limites dos que já existiam.

Foram criados os quatro novos bairros de Maranguape, Pau Amarelo, Janga e Arthur lundgren. Pelo Artigo 3° desta lei, os atuais limites das zonas urbanas distritais do Município ficam alterados e obedece a nova demarcação.

A origem do nome “Pau Amarelo” é devido à presença de árvores (paus) cujas flores são amarelas (D Pau D’Arco), desde a colonização do Brasil.

Bairro Centro do Paulista (com limites alterados) é a cidade, abrange a área central do comércio, Igreja Padroeira e Praças circunvizinhas e os bairros de São Catolé, Bairro do Nobre, Vila (núcleo Getúlio Vargas e Torres Galvão), bairro de Aurora e Jardim Paulista.

Recursos Hídricos

Rio Timbó

A cidade do Paulista está inserida nas bacias dos rios Botafogo, Utinga, Pitanga, Timbó, Paratibe e na bacia do Rio Capibaribe, onde ocupa uma pequena parcela.

Rios

Os principais Rios que banham Paulista são: Rio Timbó e Rio Paratibe (em cuja margem direita, em volta do Engenho Paratibe surgiu Paulista). Ao aproximar-se do mar o Rio Fragoso reúne-se ao Rio Paratibe formando o Rio Doce que separa Paulista da Cidade de Olinda, antes de desaguar no mar, na praia Enseadinha, ao sul da praia do Janga.

Vegetação

Pode ser classificada em dois grandes grupos: vegetação nativa que compreende o capoeirão, capoeira e capoeirinha; mangue, vegetação hidrófila e vegetação cultivada que corresponde à cultura de coqueiros e cultura de subsistência.