Colégio tradicional de Paulista esquecido pelas autoridades municipais

Foto: Reprodução/Facebook

O Colégio Municipal José Firmino da Veiga iniciou as atividades no dia 15 de novembro de 1956, recebendo o nome de  Ginásio Municipal do Paulista, localizado no prédio do antigo Grupo Escolar Dantas Barreto. A inauguração foi realizada pelo prefeito José Firmino da Veiga e pelo professor Lucilo Ávila Pessoa que, além de ser o responsável pela regularização do educandário junto à Secretaria de Educação Estadual, foi o primeiro diretor do Colégio.

Alguns anos mais tarde, com o falecimento de José Firmino da Veiga e a implantação do 2º grau de ensino a Escola cresceu e foi renomeada em homenagem ao prefeito. Atualmente, funciona o Centro de Formação de Professores. Em meados da década de 60 e 70, o colégio se tornou uma referência em educação na cidade e no estado de Pernambuco.

A instituição de ensino que foi considerada um modelo de ensino para o ingresso no ensino superior, hoje funciona de forma precária com problemas estruturais e com a biblioteca municipal fechada desde 2016, quando houve uma enchente que danificou algumas instalações do colégio.

A necessidade seria de uma reforma completa e mais investimento na estrutura física do espaço para resgatar o passado de conquistas do Firmino da Veiga. Um colégio cujo número de alunos atingiu 8 mil estudantes e atualmente somente 250 frequentam as dependências do colégio,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.