CARNAVAL DE PERNAMBUCO: Baile Municipal do Recife e As virgens do Bairro Novo.

De Ivete Sangalo a Damares Alves, passando pela lama deixada pelo desastre da Vale e pelo hit “Jennifer”, nada foi esquecido pela irreverência dos foliões do bloco.

Pelo 66º ano consecutivo, o bloco Virgens do Bairro Novo desfila pelas ruas de Olinda no último domingo de prévias. Ao som do frevo, centenas de competidores vestem roupas femininas e vão atrás dos oito trios elétricos que animam uma multidão de foliões e folionas. De Ivete Sangalo a Damares Alves, passando pela lama deixada pelo desastre da Vale e pelo hit “Jenifer”, nada foi esquecido pela irreverência das virgens.

Concurso

O domingo começou com o tradicional café da manhã das virgens, que completa 26 anos em 2019. Depois da refeição, os foliões vestidos de mulher participam do concurso, que tem sete categorias julgadas por uma comissão de dez jurados, entre carnavalescos e personalidades conhecidas de Olinda. Os vencedores faturaram R$ 400 e um troféu.

 

Confira os vencedores por categoria:

  • Mais sapeca – ‘Delegado das calcinhas’
  • Mais tímida – ‘Noiva procurando negão’
  • Mais malamanhada – ‘Bom só no aro do polvo’
  • Destaque – ‘Bruxa’
  • Originalidade – ‘Maria Bonita: um adeus a Lampião’
  • Luxo – ‘Tributo a Graça Araújo’
  • Grupo – ‘Discoteca do Chacrinha’

Atrações

Entre as atrações que comandam os trios elétricos, estão a banda Asas da América, Som da Terra, Jefferson Rouche, Banda Sedutora, Orquestra Capital do Frevo, Banda Itinerante, Jr. Maranhão e Os Caras.

Baile Municipal do Recife reúne Elba Ramalho, Gaby Amarantos, samba e frevo.

O Baile Municipal do Recife chega a sua 55ª edição com uma programação que vai do samba ao frevo. Belo Xis e Gerlane Lops, homenageados do carnaval recifense, comandam a festa mostrando a força do samba local. Também sobem ao palco Elba Ramalho, Gaby Amarantos, Spok e outros artistas pernambucanos.

A exaltação ao samba pernambucano fica por conta dos homenageados da folia, que vão receber entre os convidados Karynna Spinelli, Nego Thor, Luiza Peróla, Wellington do Pandeiro e a Orquestra Recife de Bambas.

Marca registrada do carnaval no estado, o frevo não fica de fora do Baile Municipal, sendo representado pelos maestros Spok e Forró, além dos cantores Nena Queiroga, André Rio, Almir Rouche e Gustavo Travassos. O saudosismo também está presente na programação com o Coral Edgard Moraes.

O tradicional desfile dos vencedores do concurso de fantasias da Prefeitura do Recife vai abrir a festa em fevereiro. O Rei e a Rainha do Carnaval, que ainda vão ser escolhidos, também estarão presentes.

Toda a renda arrecadada com a venda de ingressos para o Baile Municipal do Recife será revertida para instituições de assistência social, como aconteceu em outros anos.

FONTE: G1.GLOBO.COM 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.