• Conheça os pontos turísticos de Paulista

Governo de Pernambuco oferece seis mil vagas em atividades para jovens para prevenir violência

Foto: Reprodução/ TV Globo

Via G1 Pernambuco

Governo de Pernambuco vai oferecer seis mil vagas em oficinas de esporte, lazer e cultura para jovens de áreas carentes do Grande Recife e interior. A meta do Programa ‘Governo Presente’ é investir em atividades de prevenção à violência. Estão previstas oportunidades para candidatos a cursos de hip hop, grafitagem, capoeira, foto e videojornalismo, além de percussão.

Para se inscrever, os interessados devem acessar o site da Secretaria de Desenvolvimento, Justiça e Direitos Humanos ou ir em um dos centros onde acontecem as ações.

Este ano, o governo promete ampliar as atividades do programa. Além do Recife, Jaboatão dos Guararapes e Caruaru, no Agreste, que já contavam com a iniciativa, as ações passam a acontecer em Paulista e no Cabo de Santo Agostinho. Ao todo, são 50 áreas beneficiadas.

Os novos pontos de implantação do programa foram escolhidos de acordo com os maiores índices de Crimes Violentos Contra o Patrimônio (CVP) e Crimes Violentos Letais e Intencionais (CVLI). O objetivo é conseguir reduzir os números de assassinatos e roubos por meio dessas ações de cidadania.

A ampliação do programa será detalhada, nesta sexta-feira (23), durante solenidade no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, na área central do Recife. Rodas de capoeira e oficinas de hip hop e grafitagem fazem parte da programação.

“É uma agenda gigantesca e 32 grandes ações vão nascer. Começamos com hip hop, identidade jovem, culturas urbanas e capoeira. A partir daí, vamos partilhar com os jovens todas as escolhas das oficinas que virão”, destaca Cloves Benevides, secretário de Desenvolvimento Social.

Benefício

Ao longo do dia, os participantes do programa vão produzir também um documentário com a cobertura fotográfica e audiovisual das suas impressões sobre o Governo Presente. Alguns jovens participarão, ainda, da pintura de um painel gigante, conduzido pelos artistas Galo de Souza e Stilo Santos, do Encontro Internacional de Artes Pão e Tinta.

“Muitos jovens na cidade acham que não é possível viver de arte. Vou estar ajudando a formular as oficinas e também está contribuindo com a minha experiência. O grafite é uma porta que abre perspectivas para outras portas da arte. Para o design, desenho, arquitetura”, afirma Galo de Souza.

Dados

No mês de janeiro de 2018, Pernambuco registrou 448 homicídios ao longo dos 31 dias. O índice representou uma redução de 6%, na comparação com o mesmo período de 2017.

No ano passado, o estado registrou 5.427 assassinatos ao longo dos 12 meses do ano. O número é 21,1% maior do que os 4.479 homicídios contabilizados em 2016.

Representa, ainda, a marca mais expressiva desde 2004, ano inicial da divulgação das estatísticas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) pela Secretaria de Defesa Social (SDS).

Deixe uma resposta