Vazamento expõe registros de mais de 100 milhões de contas de celular.

Pouco menos de um mês após o megavazamento que expôs os dados sensíveis de 223 milhões de brasileiros, o laboratório da empresa de cibersegurança PSafe detectou um novo vazamento envolvendo operadoras. São 102.828.814 contas de celulares que foram encontradas na deep web.

Até os dados do presidente Jair Bolsonaro e dos jornalistas Fátima Bernardes e William Bonner estão na lista —valor da conta, volume de minutos gastos por dia, o número do celular, filiação, data de nascimento, CPF e outras informações, foram vazados, disse a empresa, que enviou nesta quarta-feira um relatório com a investigação para a ANPD (Autoridade Nacional de Proteção de Dados) para que o órgão investigue e descubra os responsáveis.

FONTE: UOL

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.