Mobilização de caminhoneiros entra no 8º dia no Grande Recife com serviços afetados

Foto: G1 Pernambuco

A segunda-feira (28) começa com aulas suspensas em universidades e na rede de ensino particular e pública de algumas cidades do Grande Recife. Tribunais também suspenderam atividades. Mesmo com o anúncio de que 100% da frota de ônibus circularia nesta segunda, a equipe da TV Globo registrou reclamações sobre a demora dos coletivos.

Ainda continuam as filas nos postos de combustíveis na Região Metropolitana. Em alguns pontos, havia motoristas aguardando desde o sábado (26) para conseguir abastecer. Segundo o Governo de Pernambuco, cerca de 2 milhões de litros de combustível deixaram o Porto de Suape no final de semana.

Mesmo após o anúncio do governo de que atendeu todas as reivindicações dos caminhoneiros, a categoria continua com veículos estacionados e ocupando as margens da BR-101, no Grande Recife, marcando o oitavo dia de mobilização dos caminhoneiros contra o preço do diesel.

Há caminhões estacionados no acostamento da BR-101 no bairro de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, próximo à fábrica da Vitarella, mas não impedem a passagem de ônibus e carros de passeio. Até as 11h, a Polícia Rodoviária Federal não havia atualizado os pontos de bloqueio parcial nas rodovias do estado.

Também há caminhões estacionados às margens da Avenida Portuária, no Porto de Suape, no Grande Recife. Segundo a administração do Porto de Suape, o bloqueio parcial permanece, com os manifestantes autorizando a passagem de carros, ônibus e veículos escoltados. Os caminhões que entram e saem do Porto são escoltados pela Polícia Militar.

Ônibus

Após um domingo com frota reduzida à metade, o Grande Recife Consórcio de Transporte informou que os passageiros contariam com 100% dos ônibus nesta segunda. No entanto, a equipe da TV Globoregistrou reclamações sobre a demora dos coletivos nos bairros de Água Fria e Barro, nas Zonas Norte e Oeste da capital, por volta das 6h.

Uma das pessoas entrevistadas disse que estava esperando há 30 minutos um dos três ônibus que seguem em direção ao Centro do Recife, quando o normal uma espera de 15 a 20 minutos. Além da demora, a mulher disse que os motoristas informaram que a ordem é não seguir a roteiro até a Prefeitura.

Os relatos da população é de que há mais ônibus nas ruas do que na sexta-feira (25), mas ainda há menos do que o habitual. 

 
 
População sente melhora na circulação de ônibus no Grande Recife, mas reclama de demora

População sente melhora na circulação de ônibus no Grande Recife, mas reclama de demora

Às 11h, o Grande Recife Consórcio de Transporte informou que “irá tomar as medidas administrativas e legais cabíveis quanto às empresas operadoras que não estiverem com 100% da frota em operação”.

Segundo o Consórcio, três empresas tiveram dificuldades apresentaram dificuldade em colocar, dentro do prazo necessário, toda a frota em circulação. “Diante desse fato, a fiscalização do Grande Recife está acompanhando toda a operação para solucionar qualquer eventualidade que apareça”.

“Os comboios apoiados pela Polícia Militar de Pernambuco priorizam também os serviços de transporte coletivo. Então empresas receberam um fluxo [de combustível] no final de semana. E nessa madrugada, a maior parte do que saiu [do Porto de Suape], saiu destinado às empresas de ônibus, para que todos da região metropolitana pudesse ter o seu transtorno minimizado. Para que o transporte público atendesse o maior número de pessoas possível”, afirmou o secretário de Planejamento e Gestão de Pernambuco, Márcio Stefani.

Metrô

O metrô funciona normalmente nesta segunda, até as 23h. O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) voltou a funcionar normalmente nesta segunda, após ter o serviço interrompido no final de semana. A equipe da TV Globo circulou em uma das linhas e o movimento estava normal. O VLT realiza 32 viagens por dia no trecho Cajueiro-Cabo de Santo Agostinho e 16 no trajeto Cajueiro-Curado.

Os trens são abastecidos com diesel e transportam cinco mil passageiros todos os dias. O VLT funciona até as 21h, segundo a assessoria de imprensa da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU).

O metrô transporta por dia 400 mil passageiros nos municípios do Recife, Jaboatão dos Guararapes e Camaragibe.

 
Vagões com poucos passageiros no Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) com destino ao Cabo (Foto: Thiago Augustto/TV Globo)

Vagões com poucos passageiros no Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) com destino ao Cabo (Foto: Thiago Augustto/TV Globo)

Postos reabastecidos

Desde a última quinta-feira (24), cerca de 100 caminhões saíram do Porto de Suape, sendo 50 só nesta segunda-feira. Todos com escolta da Polícia Militar.

A maior parte saiu para abastecer serviços essenciais, comohospitais, escolas, transporte público e presídios, mas também seguiram para postos para abastecer veículos da população. Cada caminhão transporta de 15 a 30 mil litros de combustível.

“O estado tem priorizado atender os seus serviços básicos, essenciais, que atendem a toda a população. Para que depois que todos estejam atendidos, nós consigamos entregar algo para a população. Então, os poucos postos que receberam combustível foram postos que atenderam a população depois de atender os serviços essenciais”, explicou o secretário Márcio Stefani.

 
Posto na Avenida 17 de Agosto, no Recife, recebeu 10 mil litros de gasolina; motos e carros enfrentam fila para abastecer nesta segunda-feira (28) (Foto: Mônica Silveira/TV Globo)Posto na Avenida 17 de Agosto, no Recife, recebeu 10 mil litros de gasolina; motos e carros enfrentam fila para abastecer nesta segunda-feira (28) (Foto: Mônica Silveira/TV Globo)

Posto na Avenida 17 de Agosto, no Recife, recebeu 10 mil litros de gasolina; motos e carros enfrentam fila para abastecer nesta segunda-feira (28) (Foto: Mônica Silveira/TV Globo)

O Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo de Pernambuco (Sindicombustíveis-PE) não faz balanço sobre postos em funcionamento, mas disse que há postos com gasolina nas avenidas Caxangá, Abdias de Carvalho, Rui Barbosa e também nos bairros de Casa Forte, Afogados, Beberibe e Guabiraba, no Recife, e Prazeres, em Jaboatão.

A equipe da TV Globo registrou fila em um posto na entrada do bairro de Jardim Atlântico, em Olinda, onde alguns motoristas chegaram a dormir na fila para garantir o abastecimento. Outros motoristas deixaram o carro estacionado para guardar a vaga e tentar conseguir gasolina ou álcool.

No fim de semana, o preço médio encontrado nas bombas foi de R$ 4,99 o litro da gasolina e R$ 3,39 o litro do etanol. No total, há 1.550 postos no estado, sendo 400 no Grande Recife.

 

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.